Articula Recife e Graças definem propostas do bairro para Plano Diretor

Este slideshow necessita de JavaScript.

No dia 12 de julho, cerca de 20 pessoas se reuniram no bairro das Graças, Zona Norte do Recife, para discutir o atual processo de revisão do Plano Diretor da cidade. O grupo mostrou grande preocupação com o processo atropelado imposto pela PCR. A vontade de participar e contribuir foi grande.

Dentre as propostas, apresentadas foram registradas: manutenção de um adensamento construtivo menor no bairro; transformação do trecho entre a Rui Barbosa e a Joaquim Nabuco no quadrante formado com a cardeal Arcoverde em uma ZEPH; transformação das CIS em ZEIS e manutenção das restrições urbanísticas que as protegem; incentivo ao uso misto; condicionamento do adensamento à infraestrutura instalada; coeficiente de utilização único para a cidade e adoção da outorga onerosa do direito de construir; e observância ao Estatuto da Cidade com a definição do zoneamento e dos coeficientes de utilização (mínimo, médio e maximo) no Plano Diretor.